phone email location link google-plus facebook instagram twitter vine youtube vimeo pinterest instagram email google-plus facebook twitter wordpress pinterest search share share2
Guia dos Sonhos - Encontre Fornecedores
Casamento Real

Marília e Felipe | Casamento com chuva na Fazenda Vassoural

Às vezes fico preocupada em me repetir demais, sempre dizendo que o enlace é lindo e cheio de amor. Mas vai por mim, este casamento com chuva na Fazenda Vassoural é especial!
 
A Marília é jornalista e quando nos conhecemos ela já estava lidando com os preparativos.
 
Numa tarde de muita chuva em São Paulo tivemos um almoço para falar de trabalho e, como não podia faltar, o assunto casamento rolou solto.
 
Lembro que simpatizei muito com o jeito simpático e apaixonado dela, empolgadíssima com algumas escolhas e preocupada em fazer tantas outras.
 
Eu sabia que o casamento seria incrível, e mesmo assim fui surpreendida. Foi muito mais bonito do que eu poderia imaginar!
 
Junto com o Felipe, a Ma superou um momento muito triste. A perda do pai, principal incentivador da festa, foi um baque e tanto!
 
Mesmo assim o casal seguiu em frente, fazendo do enlace uma celebração pelo amor e pela vida. Uma homenagem e tanto ao pai da Marília!
 
Tem fotos lindas, tem sorrisos de montão, tem vestido dos sonhos e tem vídeo cheio de alegria, sem contar as dicas incríveis da noiva.
 
Aliás, o depoimento todo é tão especial que você não pode deixar de ler!
 

Eis os noivos Marília e Felipe e seu lindo casamento com chuva na Fazenda Vassoural…

COMO TUDO COMEÇOU
 
Nós nos conhecemos no trote da faculdade de jornalismo, em 2010. Fomos literalmente amarrados (uma brincadeira dos veteranos) durante muitas horas. A princípio, eu o achei um chato. Mas ele gostou muito de mim. Na verdade, o Felipe diz que foi amor a primeira vista.
 
Mesmo achando ele meio bobo, ofereci mostrar a cidade, porque ele é de BH. Ele me cobrou a oferta alguns dias depois, por Orkut. E eu cumpri minha promessa. Ele só esqueceu de contar que ele já conhecia super bem São Paulo, porque o pai dele morava aqui, rs.
 
Em 2015 fomos morar juntos em um apartamento que compramos, mas eu tinha muita vontade da festa, sabe? A verdade é que eu sonhava com o casamento desde muitooo nova, tinha pastinha de referência, etc.
 
Então em 2016 o Felipe me pediu em casamento no meu aniversário, diante de família e amigos, e começamos a pensar na cerimônia.
 
Eu sabia que queria um casamento Pinterest, hahaha, ao ar livre e com a nossa cara. No momento que entramos na Vassoural, sabíamos que seria lá. Nem quisemos ver outros lugares.
 
PREPARATIVOS E CASAMENTO
 
A minha experiência foi muito diferente porque, quatro meses antes do casamento, meu pai sofreu um acidente e faleceu. Meu pai era a pessoa que mais apoiava a festa, a celebração, de modo que foi um enorme baque.
 
Eu quis cancelar tudo, não fazia sentido fazer isso sem ele. No entanto, o Felipe – que já havia perdido a mãe em 2013 – pediu para eu esperar algumas semanas antes de tomar a decisão definitiva. Ele estava muito do meu lado o tempo todo e não queria que eu me arrependesse de nada.
 
Ele também estava sofrendo porque era muito próximo ao meu pai, mas se preocupou em ligar para cada fornecedor, explicar a situação e me deixar livre pra pensar só no que eu queria. E aí, durante esses dias em que eu refletia sobre o assunto, muitas pessoas vieram me dizer o quanto meu pai queria esse casamento, o quanto ele estava feliz e orgulhoso.
 
Então eu decidi que o casamento seria uma homenagem a ele e a forma que ele levada a vida. Alegre, festivo, cheio de amigos.
 
Por tudo isso, eu não me estressei com a organização.
 
Flores, menu, música. Nada disso é problema. Na verdade, é um enorme presente da vida ter amor e a oportunidade de celebrá-lo com pessoas queridas.
 
O mais especial do casamento foi de fato tornar esse evento uma grande homenagem à vida e ao amor (meu e do Felipe, mas também o amor por tanta gente ao nosso redor).
 
Todo mundo estava muito preocupado comigo, como eu estaria no dia, mas eu fui invadida por uma enorme paz. Eu tive muitas pessoas ao meu lado a cada segundo do caminho do luto e da festa. Quantas pessoas podem contar com essa sorte?
 
Foi definitivamente o dia mais feliz da vida toda. Cada pessoa que estava lá importava, era especial e eu não conseguia parar de sorrir um segundo (ao contrário do noivo, que aparentemente foi o mais nervoso da história, com medo de que algo não saísse como eu planejei. Ele só relaxou na cerimônia, quando me viu. Muito fofo).
 
E mesmo a chuva, que era meu maior medo, não atrapalhou em nada. Ao contrário. Por causa dela, fomos para o plano C, que era o celeiro da Fazenda Vassoural.
 
Nunca haviam usado o celeiro e, 5 dias antes, quando a previsão mostrava que realmente ia chover muito, decidimos junto com a Lia, nossa assessora e dona da própria fazenda, tentar esse novo espaço. E ficou maravilhoso. Muito melhor que o plano A.
 
Depois da cerimônia, um pôr do sol de outro mundo apareceu e foi lindo. Foi uma metáfora da vida mesmo: depois da chuva, sempre sai o sol, né?
 
Quanto à escolha dos fornecedores, foi muito intuitiva. Pesquisamos muito em blogs, Pinterest, mas a decisão foi sempre baseada nas conversas, naquela coisa de santo que bateu. E foi a melhor coisa, porque todos foram ótimas pessoas, genuinamente preocupadas em tornar nosso dia especial.

DICAS DA NOIVA
 
•Não se estresse. Casamento é para ser um momento de muita felicidade, não de sofrimento (aliás, você está gastando dinheiro demais nisso para sofrer!)
 
•Ninguém vai saber se a toalha era para ser assim ou assado, se as flores eram em um tom x ou y. As pessoas só estarão lá para celebrar o amor. Então foque nisso!
 
•Me arrumar com as madrinhas foi definitivamente uma das melhores decisões que tomei. Pedi que elas montassem uma playlist colaborativa algumas semanas antes, então no dia nós dançamos, rimos e eu fiquei muito relaxada. As meninas da Puntuale também contribuíram muito para isso, deixando o clima leve e bem íntimo.
 
•Escolhi a trilha sonora como se fosse um filme, o nosso filme. E o final ficou de cinema (muito por causa da voz da Juliana Shay).
 
•Se vocês não forem milionários, é bem difícil conseguir contratar tudo de bacana que o mercado oferece hoje em dia (são muitas coisas). E não tem problema. As pessoas lembram dos momentos emocionantes, da música, da bebida e comida.
 
•Aproveite esse momento para dizer o quanto ama seus pais, seus padrinhos, sua família, seus amigos. No dia a dia a gente esquece de falar essas coisas e esses grandes momentos da vida, como casamento, são perfeitos para relembrarmos o que realmente importa.
 
•Depois que cruzou o altar, relaxe com o cabelo, a maquiagem, a limpeza do vestido. Como dizia aquele comercial, tudo que é bom despenteia!
 
•O casamento ter a cara dos noivos significa deixar o noivo fazer as coisas do jeito dele também. Felipe queria fumar charuto com os amigos na festa, usar tênis e cortar gravata. Ele teve a chance de fazer tudo isso e também se divertiu muuuitooo!
 
MAIS DETALHES
 
•Minhas irmãs me levaram ao altar. Eu brinco que cada uma delas é 50% meu pai, então, somando as duas, eu tinha 100% ele. Foi lindo!
 
•Um casal muito querido da minha família fez as vezes de celebrantes e foi muito especial, porque eles realmente conheciam nossa história.
 
•Desde o começo nós falávamos que queríamos um clima de interior da Inglaterra, século 19 (nós amamos história e o Reino Unido). E acho que conseguimos (todas as escolhas eu tomava baseada nesse mood). Até a chuva contribuiu para esse clima!
 
•Como o clima era chuvoso, servimos chocolate quente e pão de queijo antes da cerimônia. Também compramos guarda-chuvas e ofereci cobertinhas (comprei plush, mandei cortar e coloquei em saquinhos).
 
•Não saí da pista de dança e, por isso, acho que foi um sucesso. Tivemos que renovar a hora do DJ e as fotos da festa são impublicáveis, rs.
 
•No altar, ficaram madrinhas de um lado e padrinhos de outro e eles não entraram na cerimônia de casal. Teve amiga entrando com amiga, casal entrando junto, irmão com irmão. Enfim, livres!
 
•Não joguei o buquê para as mulheres, porque acho isso machista. Joguei para qualquer um que quisesse amor. Ah, e não joguei sozinha. Felipe jogou comigo.
 
•Eu literalmente enfiei o pé na lama. Sujou o vestido, o sapato. Mas valeu cada foto, rs.

Marília, que alegria ter seu casamento por aqui!
 
Você e o Felipe arrasaram nas escolhas e dá pra ver a felicidade e cumplicidade de vocês estampada em cada foto. Coisa mais linda!
 
Muito, mas muito amor sempre.
 
Que o clima de festa e união se repita diariamente.
 
Agora sim, pode beijar a noiva!
Quem fez?
 
Local: Fazenda Vassoural | Assessoria: Lia Vergueiro | Buffet e bar: Marcelo Gussoni | Decoração: Calu Carvalho | Vestido de noiva: Noiva nas Nuvens | Beleza: Puntuale | Grinalda: Tula Casqueteria | Foto e vídeo: Beach Style Weddings (foi o último casamento que fizeram fora da praia) | DJ: DJ Mazzur (Reverb) | Música da cerimônia e coquetel: Juliana Shay | Doces: Soul Sweet e Carol Melo | Bem casados: Ana Cristina Bem-Casados | Traje do noivo: VR e O Francês Gravataria

Comentários

Categorias:
Casamento Real Casamentos
Tags:

Camila e José | Casamento colorido na Estação Gaia

Hanny e Bruno | Casamento verde na Vila das Amoreiras

Hanny e Bruno abdicaram de costumes e tradições e focaram na própria personalidade para que o casamento refletisse a essência dos dois.
 
Fizeram a própria papelaria, colocaram a mão na massa para as lembrancinhas e optaram por espalhar verdade e sentimento em cada escolha, o que resultou em um dia lindo e leve.
 
Eu, que fiquei balançada com as fotos da dupla Frankie e Marília, gostei mais ainda ao ler o relato da Hanny.
 
Quando falamos em organizar algo tão ímpar como um casamento, é normal que o casal se deixe levar pela imensidão de ofertas e possibilidades, mas eles ficaram firmes e fizeram tudo juntos, dando ênfase ao que realmente importa: celebrar a união com a cara dos noivos!
Ver post completo

Luciana e Barba | Casamento em clima de carnaval

É tempo de carnaval, mas acima de tudo, o clima é de muito amor por aqui!
 
O casamento da Lu e do Barba vai além de qualquer inspiração pautada em adereços, decoração e outras coisas que pudessem ornamentar o grande dia.
 
É um casamento cujo ingrediente principal a gente vê desde o vídeo da Nano Filmes, com o pedido oficial, até os olhares apaixonados dos noivos dançando na festa, depois da troca de alianças.

Ver post completo

Jay e Léo | Casamento colorido e vibrante em Búzios

Hoje é dia de casamento colorido, solar e especial.
 
Um casamento praiano daqueles bem felizes, com uma noiva linda e alegre, um noivo de sorrisão largo e completando tudo isso, o Pickles, filho de quatro patas do casal.
 
Eu, que sempre fico tocada com as histórias e casamentos que vem parar aqui, me peguei emocionadíssima com o vídeo do Raphaell Roos.
 
A Jay e o Léo definitivamente não foram noivos clichês, não formam um casal dado a arroubos românticos e não seguiram receitas prontas para organizar o grande dia.

Ver post completo

Bárbara e Édipo | Casamento com detalhes em vermelho

Bárbara e Édipo trocaram votos no Casarão La Villa.
.

O toque rústico do espaço combinou perfeitamente com a linda decoração em tons de vermelho feita pela Alecrim.

 
Um casamento charmoso e acolhedor, do jeitinho que os noivos esperavam.
 
A noiva ficou simplesmente divina com batom e unhas coloridos, num contraste especial do vermelho com o branco do vestido. Que tal?

Ver post completo