Nunca escondemos de ninguém: somos com-ple-ta-men-te apaixonados por fotos de casamento! Aliás, somos apaixonados pelos registros em geral, incluindo o pré wedding!

Os ensaios pré casamento são especiais por vários motivos: aproximam o casal dos fotógrafos, deixam os noivos mais relaxados e confiantes e ainda rendem muuuuitas fotos.

O blog sempre recebeu muitas perguntas de casais que querem saber mais sobre esse tipo de ensaio, então conversamos com fotógrafos do Guia dos Sonhos, que responderam perguntas e deram várias dicas incríveis.

Prontos para algumas delas?

Eis um post super completinho com tudo o que você sempre quis saber sobre pré wedding – mas nunca teve como perguntar.

Cola na gente que chegou a hora de ficar expert no assunto!

O que é o pré wedding?

O pré wedding é uma sessão de fotos que normalmente acontece algumas semanas antes do casamento, e é marcado pela vibe mais descontraída do que o ensaio que acontecerá no grande dia.

“Além das funções práticas – ter fotos para usar no save the date, por exemplo -, o pré wedding também é um momento que os noivos têm para eles, saindo um pouco da correria do dia a dia e do planejamento do casamento, se reconectando e se curtindo”. Essa é a definição que a Marina Maeda deu pra gente. 

O complemento veio do Daniel Okuyama: “o pré wedding é muito mais que apenas um ensaio – ele deve gerar uma experiência de conexão entre o casal, que será capturada pela câmera”.

Foto: Canvas Ateliê

Como escolher o local para o ensaio?

A melhor opção, segundo todos os fotógrafos que consultamos, é buscar um local que tenha significado para o casal. 

“O ideal é um local que represente a história dos dois juntos, ou que seja marcante para o relacionamento”, foi o conselho que o pessoal da Sublime nos deu.

Outra ideia boa é apostar nos hobbies – algo que o Well Fernandes apóia: “Sempre pergunto o que os noivos gostam de fazer juntos e, como exemplo, cito um casal que adorava ficar assistindo filmes em casa. Usamos isso como referência e fizemos o ensaio no próprio apartamento!”.

“Algumas pessoas investem em viagens, mas quando você vai pra um lugar muito inusitado o fotógrafo acaba tendo que fazer fotos onde apareça o contexto todo, e aí tem muita foto do local, e não do casal”, lembra a dupla Renata e Yuri.

A melhor resposta é que não há limites nem regras quando se trata de escolher o cenário do seu pré wedding!

“Já fiz ensaios até em estações de metrô onde o casal se encontrava”, relembrou a Mari da Canvas Ateliê.

Fofo! ❤

Foto: Daniel Okuyama

Qual roupa usar?

Como a ideia é que o ensaio seja algo leve, é legal apostar nas roupas mais casuais, confortáveis e que sejam a cara do casal.

“Roupas que os deixem confortáveis e que façam parte do dia a dia são ótimas!”, é a dica do Well Fernandes.

Para completar, eis as considerações de Renata e Yuri: “pedimos que levem roupas com as quais se sintam à vontade e bonitos. Se a produção tiver maquiagem ou penteados, é importante notar se funcionam para esse tipo de lugar e de fotografia”.

Pensar em cores complementares e que combinam com a locação também é algo a se considerar. O fotógrafo Daniel Okuyama, por exemplo, costuma enviar algumas sugestões de paletas que combinam com o local escolhido, mas deixa o casal muito à vontade para a escolha final dos looks. O único pedido é que evitem estampas de marcas.

“Se for necessário para encarar a aventura, leve uma roupa extra caso a principal molhe ou suje. Mas é o que eu sempre digo: se chover, deixa molhar!”, é o conselho precioso da Mari (Canvas Ateliê).

Foto: Marina Maeda

Horário ideal

Mais um ponto em que todos concordam é quanto ao horário.

Quando o ensaio é feito em um lugar fechado, o horário não importa tanto.

“Trabalhamos com flashes ou luz direcionada de alguma janela”, conta Well Fernandes.

Já para ensaios ao ar livre, o indicado é que aconteçam pela manhã ou no final da tarde, quando o sol está mais baixo e a luz mais bonita.

“Entre 15h30 e 18h o sol começa a descer e a luz fica mais leve, retirando a sombra forte e marcante da luz do meio do dia”, explica a turma da Sublime

O grande segredo é saber trabalhar de acordo com a luz disponível – mais uma dica do Daniel Okuyama.

Foto: Renata e Yuri

Quanto tempo de ensaio?

O pré wedding tem uma média de 2 a 3 horas de ensaio, mas isso é apenas uma estimativa e pode variar um pouco. 

Daniel Okuyama contou que o tempo depende da proposta.

“Se o casal quer algo contando um pouco da rotina deles, como um café em casa, brincando com o cachorro, sugiro fazer isso sem tempo para acabar. Quando a proposta é um ensaio mais romântico, já com local determinado, leva de 2 a 3 horas de ensaio”.

O processo do Well Fernandes é semelhante.

“Costumo levar em torno de 3 horas porque preciso de um tempo maior para criar uma conexão com o casal. Já tive ensaios onde terminei tudo em uma hora, e outros em que fiquei o dia inteiro com os noivos. Mas eu sempre reservo o dia todo!”.

Foto: Sublime Photo

E se o casal for tímido?

A maioria das pessoas costuma mesmo ficar tímida em frente às câmeras, e por se tratar de um ensaio importante, ficar um pouquinho nervoso é super normal!

Para ajudar, a melhor indicação é criar um sentimento de confiança com o fotógrafo.

Mas como fazer isso?

Para a dupla Renata e Yuri, a solução é muita conversa.

“Com a gente não tem nada super dirigido, é tudo bastante descontraído”.

Seguindo o mesmo caminho, Well Fernandes gosta até de marcar um café com os noivos!

“Isso já é 80% do caminho para que se sintam mais à vontade. Além disso, tento conhecer um pouco sobre eles, faço perguntas para que um responda sobre o outro… A partir daí as risadas vão surgindo naturalmente, criando uma experiência cada vez mais significativa!”.

Deixar claro também o que o casal espera e gosta é bem importante.

“Desde o início do contato com os noivos tentamos conversar bastante sobre o que gostam e não gostam, e perceber se alguma situação cria desconforto – isso é fundamental para que eles fiquem mais leves e, assim, conseguimos fotos lindas”, conta a Sublime.

Foto: Well Fernandes

Por que investir no pré wedding?

No casamento, o casal estará rodeado de muitas pessoas o tempo inteiro, afinal, este é um dia para ser vivido com os convidados. Já o pré wedding é um momento só dos noivos, em que estarão mais tranquilos e aproveitando a companhia um do outro.

“A idéia é gerar uma experiência única, voltar ao início do namoro, andar de mãos dadas, muito abraço, carinho e diversão”, nas palavras do Daniel Okuyama.

Uma coisa importante para a qual Renata e Yuri chamam a atenção também, é como o ensaio influencia na relação dos noivos com o fotógrafo.

“Quando fazemos as fotos, parece que os noivos ficam mais próximos, confiantes e soltos, e isso faz toda diferença no dia do casamento”.

Mais uma dica? Aí vai a da Canvas Ateliê:

“O ensaio precisa ser mais do que apenas fotos bonitas em um lugar bonito. Meu objetivo é usar a fotografia para contar como foi a trajetória do casal até aqui”. E nós concordamos demais!

Agora que trouxemos bastante informação de quem mais entende do assunto, é hora de conferir algumas fotos e suspirar!

Canvas Ateliê

Daniel Okuyama

Marina Maeda

Renata e Yuri

Sublime Photo

Well Fernandes

Para conferir mais dos fotógrafos sugeridos pelo blog, acesse o Guia dos Sonhos. É só clicar aqui.

E você, já tem planos para o ensaio pré wedding?

Quem gostou espalha amor
0 comentários

Escrito por Stephanie Antunes

Estudante de História da Arte e criadora de conteúdo. Amante de gatos e faladora. Nas horas vagas gosta de conversar sobre astrologia e os mistérios da vida.

Deixe um comentário