phone email location link google-plus facebook instagram twitter vine youtube vimeo pinterest instagram email google-plus facebook twitter wordpress pinterest search share share2
Guia dos Sonhos - Encontre Fornecedores

Escreva uma Carta pra Mim | Cerimônia não é tudo igual!

Organizar um casamento é entrar num universo composto por uma infinidade de decisões onde as mínimas escolhas interferem no resultado final. Tudo reflete o estilo dos noivos e isso vale para cada detalhe, desde as forminhas dos docinhos até a data e o local onde a festa irá acontecer.

Em meio a tantas tarefas e ansiedade pelo receio de que algo não saia conforme o imaginado, a escolha da cerimônia às vezes ficava um pouco de lado. Digo ficava porque isso está mudando.

Até poucos anos a cerimônia era algo praticamente padrão, sempre igual. Hoje, com casamentos cada vez mais personalizados, as cerimônias também mudaram e os noivos podem buscar algo que de fato tenha a ver com o que acreditam e valorize o amor dos dois.

A importância desse momento está sendo resgatada. As cerimônias tradicionais na igreja continuam sendo uma opção linda, mas há muitas outras cerimônias além das religiosas.

Vamos mostrar para vocês quais são as principais diferenças entre uma e outra, para que possam escolher a maneira mais emocionante de casar.cerimonia-de-casamento-2

♥ CERIMÔNIA CIVIL

O casamento civil é realizado para ter reconhecimento pelo Estado, ou seja, é assinar o papel que vai assegurar direitos e deveres institucionais para as duas partes como comunhão de bens, ser incluído no convênio médico um do outro, conseguir um financiamento bancário e outras questões burocráticas.

Como nessa forma de casamento, normalmente realizada por um juiz de paz, o objetivo principal é administrativo o amor nem sempre é contemplado no discurso. São casamentos bem formais e é praticamente impossível saber se o juiz falará coisas bonitas e significativas ou não, a não ser que o casal já tenha visto outros casamentos realizados pelo juiz de paz.

O casamento civil pode ser realizado em uma data separada da cerimônia principal e da festa, apenas com as testemunhas. E uma opção é fazer o casamento religioso ou uma cerimônia personalizada com efeito civil, porém isso não tira a necessidade do casal de ir ao cartório e fazer os trâmites legais. Nem todos os celebrantes fazem cerimônia com efeito civil.

♥ CERIMÔNIA RELIGIOSA

As cerimônias religiosas são as mais tradicionais, principalmente a católica. Mas há muitas outras cerimônias religiosas como budista, evangélica, judaíca, entre outras. Afinal, cada religião tem o seu rito de casamento e casais religiosos certamente optarão por essa modalidade.

São cerimônias com muita beleza e significado para quem vivencia a espiritualidade da cerimônia religiosa escolhida. Porém, se o casal não é tão religioso o discurso dessa cerimônia pode ficar totalmente destoante e sem sentido para os dois.

No caso das cerimônias católicas, é comum casais que escolhem esse rito por tradição familiar mas nem conhecem o padre e este também não tem familiaridade com os dois. Essa distância entre celebrante e casal faz com que o rito tenha um discurso genérico e sem relação direta com a história do casal. Lembrando que, para se casar na igreja, é preciso casar no civil primeiro.

♥ CERIMÔNIA SIMBÓLICA

As cerimônias simbólicas focam no principal: o amor do casal. Há jornalistas, poetas, escritores, comunicadores, entre outros profissionais que realizam esse estilo de cerimônia.

É uma cerimônia que valoriza o sentimento e a história dos dois e por isso costuma surpreender, emocionar e agradar muito os noivos e convidados. São cerimônias únicas porque combinam sensibilidade e criatividade com uma abordagem pessoal. Seu diferencial é o discurso personalizado que foge do genérico e busca transmitir a personalidade dos noivos através de palavras e rituais próprios. E são perfeitas para casamentos ao ar livre já que a maior parte dos padres católicos não podem celebrar fora do templo.

Essa é a cerimônia realizada pela Escreva Uma Carta Pra Mim, por exemplo, que faz parte do nosso Guia dos Sonhos e cria cerimônias poéticas a partir de conversas com os noivos. A celebrante Viviane Lopes é poeta e tem uma grande experiência com a escrita, por isso desenvolve cerimônias sob medida com foco na palavra e na poesia, perfeitas para casais que valorizam a sua história de amor acima de tudo.cerimonia-de-casamento-5 cerimonia-de-casamento-4

Essas três formas de cerimônia não precisam ser isoladas. Elas podem ser combinadas entre si, há casais que se casam no civil, depois casam-se na igreja em uma cerimônia íntima e por último realizam a cerimônia personalizada e simbólica no local da festa.

Há cerimônias personalizadas e com efeito civil, religiosas e com efeito civil, personalizadas e com rito ecumênico, muitas variações. O importante é que os noivos percebam que as cerimônias de casamento não são todas iguais e que cada uma tem um diferencial.

Também é importante questionar o que cada celebrante está oferecendo a partir de sua formação, conhecer seus pontos fortes e seu estilo de celebrar. Dessa maneira os noivos ficarão seguros quanto ao que será feito no grande dia. Por isso, conversem com os celebrantes, tirem suas dúvidas, dediquem um tempo para pensar nesse ritual e decidam por aquela cerimônia que faz o coração de vocês se emocionar. Afinal, o verdadeiro sentido do casamento e do amor que os une é o que vai ser transmitido através da cerimônia.

Comentários

Categorias:
Dicas Fornecedores Mais
Tags:

Evento Guia dos Sonhos – 2ª edição

Semana passada rolou a segunda edição do Guia dos Sonhos, evento realizado exclusivamente para profissionais do mercado de casamento.
 
Convidei fornecedores que integram o nosso guia de indicados e outros parceiros para uma manhã de networking, conteúdo e diversão.
 
Além de celebrar um ano especial, pudemos colocar a conversa em dia e falar um pouquinho sobre particularidades do blog.
 
O Recanto da Paz, em Atibaia, abriu as portas para o evento, proporcionando um cenário pra lá de especial.
Ver post completo

Isabela e Ricardo | Mini wedding na Casa da Dona Diquinha

É sempre uma delícia falar de casamentos leves, simples e aconchegantes, desses que acolhem os convidados e promovem um clima de amor em cada cantinho.

Foi exatamente assim na troca de votos da Isa e do Ricardo, que aconteceu na Casa da Dona Diquinha.

A Casa da Dona Diquinha é um local propício para mini weddings. Além de um lindo jardim, oferece mil e uma possibilidades para quem quer receber os convidados com charme e conforto. Tudo isso fica ainda melhor quando a gente soma a gastronomia do Chef Rogério Junqueira.

A responsável pelas fotos, Lígia, soube captar muito bem o romantismo e alegria dos noivos, um casal jovem, lindo e apaixonado.

Ver post completo

Projeto Amor Igual | Pré-wedding e história de amor

Estamos pertinho de concluir a 1ª edição do Projeto Amor Igual.
 
Depois de mais de 40 histórias recebidas, muita emoção e dificuldade para escolher o nosso casal, correria para organizar todos os detalhes, reuniões e conversas pelo Skype, finalmente estamos às vésperas do casamento.
 
Muita gente perguntou sobre o relato que arrebatou meu coração. Afinal, o que a história de amor dos meninos tem de tão especial? Drama, altos e baixos, comoção?
 
Nada disso.
Ver post completo

Lia e Filipe | Casamento folk, vintage e mexicano

O sim da Lia e do Filipe foi marcado por muita cor, entusiasmo e originalidade.
 
Ao invés de regras, descontração. Ao invés de um enlace engessado, um casamento alternativo, com felicidade genuína e muito amor. Como nomeado pelos noivos, um casamento folk com toques vintage e uma pitada de cultura mexicana.
 
A troca de alianças aconteceu em um sítio, e mesmo com a chuva impedindo que comemorassem ao ar livre, sobraram razões para celebrar.
 
Como dá pra ver nos registros da fotógrafa Bianca Kida, foi um dia leve e descomplicado, exatamente como o casal.
Ver post completo

Thaisa e Paulo | Casamento francês no Espaço Monte Alegre

Thaisa e Paulo se conheceram no Brasil, mas a história de amor começou na França.
 
Cá entre nós, um relacionamento que começa em solo francês só poderia ter muito romantismo pela frente!
 
O mini wedding aconteceu no Espaço Monte Alegre, interior de São Paulo, e contou com muitas inspirações no país europeu, incluindo a escolha do espaço e o vestido de noiva, com referências aos anos 20.
 
Eu poderia apontar mil e um itens apaixonantes, mas as fotos falam por si mesmas.

Ver post completo